As novidades da última Apas Show 2017 no varejo

apas

Como sabem, o varejo alimentar, através da imensa quantidade de informações que tem disponível e as ferramentas de BI (Business Intelligence), consegue cada véz mais entender as necessidades dos consumidores e suas atitudes pessoais no ponto de vendas (Shopper Understanding).

Reproduzo aqui uma matéria do Uol, criada pela Totvs, que apesar de trazer informações já antigas e metodologias muito comuns e a muito usadas, servem de referência para quem quer entrar no mundo de Gerenciamento de Categorias. Boa diversão!

05/06/2017 13h28Atualizada em 11/07/2017 16h36

Supermercados investem em tecnologia mobile e BI para modernizar serviços ao cliente

Um dos principais desafios para quem deseja dar um passo à frente da concorrência e modernizar seus empreendimentos é transformar o imenso volume de dados que compras e vendas geram diariamente em análises e práticas benéficas para o crescimento de um negócio. Justamente por isso, o investimento em tecnologia mobile e business intelligence (BI) são a tendência entre varejistas e donos de supermercado que buscam aprimorar a gestão.

Ser capaz de ir além dos dados brutos (big data), entender os hábitos de consumo dos clientes e aplicar tais conhecimentos como inteligência de mercado são etapas fundamentais para os processos de tomada de decisão em um cenário cada vez mais competitivo. Na prática, o uso de soluções como equipamentos conectados e pontos de venda móvel podem se traduzir em ganhos de produtividade e eficiência. “Com equipamentos de RFID (Radio-Frequency IDentification), um supermercado consegue fazer o inventário de estoque com mais facilidade, com a loja cheia de clientes, por exemplo, reduzindo os riscos de rupturas. O mesmo vale para a reposição de produtos nas gôndolas. Com a etiqueta RFID essa checagem fica muito mais ágil, evitando perdas”, explica Marcos Biazi, gestor de Operações da TOTVS, empresa brasileira de software.

Pontos de Venda Móveis

Os PDV móveis, por exemplo, eliminam a obrigatoriedade dos clientes fazerem pagamentos nos caixas e colaboram para a diminuição das filas. Colaboradores espalhados pelas lojas podem fechar as compras via tablet ou um smartphone, e a nota fiscal é automaticamente enviada tanto para o consumidor quanto para a Secretaria da Fazenda. Na última edição da APAS Show (evento promovido pela Associação Paulista de Supermercados entre os dias 02 e 05 de maio de 2017) a TOTVS apresentou ao mercado um terminal de autoatendimento que reduz 30% do tempo que o cliente leva para entrar, realizar o pagamento e sair da loja.

“Estudamos os novos comportamentos do consumidor e aplicamos a tecnologia para atender esse anseio por melhores experiências de compra, resolvendo também um problema crítico para o supermercadista hoje. Afinal, com um dia a dia cada vez mais corrido, ninguém mais quer enfrentar filas e sim fazer suas compras da forma mais simples e conveniente possível”, afirmou Ronan Maia, vice-presidente de Distribuição e Varejo da companhia.

Outra tendência é o “pick and go”, em que o consumidor pode fazer a escolha e pagamento dos produtos e o pagamento por meio de um aplicativo e apenas retirar as compras em um ponto de venda. “Ao contrário de ter uma loja física, com uma vasta oferta de produtos, os supermercados economizarão ao ter um local menor para entrega de mercadorias”, planeja Biazi.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s